Over 10 years we help companies reach their financial and branding goals. Engitech is a values-driven technology agency dedicated.

Gallery

Contacts

411 University St, Seattle, USA

+1 -800-456-478-23

Sem categoria

Um novo golpe que circula pelo WhatsApp e promete informar o saldo e facilitar o saque do benefício que o brasileiro tem a receber pelo PIS-Pasep já conseguiu chegar a 116 mil pessoas, segundo a fabricante de antivírus brasileira PSafe. O ataque também está “ganhando escala rapidamente”, segundo o alerta da companhia.

Assim como muitos outros sites falsos divulgados pelo WhatApp, este também tenta convencer a vítima a divulgar o link do site para amigos no WhatsApp — 30 amigos, nesta fraude. Antes disso, o site faz algumas perguntas, tais como “possui cartão cidadão para realizar o saque do benefício?”, para tentar ganhar credibilidade. O site também utiliza elementos visuais para imitar uma página da Caixa Econômica Federal, mas tudo é falso e o site não tem condições de informar quem tem direito ao benefício.

Além de divulgar o link no WhatsApp, a PSafe observa que os criminosos utilizaram “notificações” para chegar às vítimas. Essas notificações são autorizadas dentro do navegador do celular e a base de usuários foi construída a partir de outras fraudes no WhatsApp, que pediam permissão para receber essas notificações. A empresa estima que até 100 mil pessoas podem ter autorizado o recebimento dessas mensagens.

“A estratégia de incentivar as pessoas a compartilhar o link malicioso é a mais comum e permite que o golpe se espalhe rapidamente. Contudo, nesse caso específico, o envio de notificações para os smartphones dos usuários possibilita um crescimento exponencial no número de acessos em poucos minutos tornando-o ainda mais perigoso e efetivo”, afirma Emilio Simoni, diretor do dfndr lab, braço de pesquisa da PSafe.

Golpe (Foto: Reprodução/Whatsapp) Golpe (Foto: Reprodução/Whatsapp)

Golpe (Foto: Reprodução/Whatsapp)

É recomendado que sejam ignoradas tanto a mensagem no WhatsApp como as notificações. Caso o golpe tenha chegado por uma notificação, é necessário acessar as configurações do navegador para desativá-las. No navegador Chrome no Android, é preciso acessar menu três pontos e “Configurações”. Depois, deve-se acessar o item “Configurações de site” e em seguida “Notificações”. Na dúvida, é recomendado eliminar todas as notificações que estejam como permitidas.

Prejuízos

As fraudes no WhatsApp normalmente divulgam aplicativos, serviços ou produtos por meio de acordos publicitários. Isso significa que o prejuízo dessas fraudes é normalmente pago pelos anunciantes, que recebem visitas de pessoas sem interesse real no produto que estão oferecendo (já que foram enganadas, como neste caso, com a oferta de outro conteúdo).

O usuário precisa ter muito cuidado, no entanto, já que os criminosos podem embutir outros mecanismos de golpe na fraude. Um deles é justamente as notificações: uma vez autorizadas, o criminoso pode enviar qualquer texto para a área de notificações do celular. Como não ficará claro de imediato a origem desse conteúdo, é possível que isso leva a outros golpes, como sites clonados de redes sociais ou bancos.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.
Criado por WP RGPD Pro