Como instalar o LEMP no CentOS 7.6

Primeiramente vou explicar aqui o que é LEMP e o que é CentOS para quem não sabe. Segue o que é LEMP de acordo com o site lemp.io:

“O LEMP é uma variação da onipresente pilha LAMP usada para desenvolver e implantar aplicativos da Web. Tradicionalmente, o LAMP consiste em Linux, Apache, MySQL e PHP. Devido à sua natureza modular, os componentes podem ser facilmente trocados. Com o LEMP, o Apache é substituído pelo leve e poderoso Nginx.”

Lembrando que é também possível usar Apache em Nginx no mesmo servidor, porém esse é um papo para depois.

Para começar, você precisa de acesso a uma VPS para poder usar os comandos que serão citados nesse tutorial, nos comandos abaixo vou explicar como seria instalando a versão do PHP 7.3.6 (que é a versão atual).

Primeiramente vamos instalar o Nginx, para começar vamos instalar o repositório onde ele está presente.

yum install epel-release -y

Agora o comando para instalar

yum install nginx -y

Agora só iniciar e adicionar como serviço para que inicie junto da VPS.

systemctl start nginx
systemctl enable nginx

Agora vamos instalar o MariaDB que é uma modificação do Mysql para CentOS, em seguida iniciar e adicionar como serviço da mesma forma que o nginx.

yum install mariadb-server mariadb -y
systemctl start mariadb
systemctl enable mariadb

Para concluir o MariaDB, execute o comando abaixo para configurar sua senha de root e remover dados padrões (recomendado)

mysql_secure_installation

Agora vamos para a parte do PHP, essa parte vai variar daqui a algum tempo pois certamente haverá uma atualização, portanto é bem possível que algum comando citado aqui abaixo precise ser alterado (número da versão do PHP). Inicialmente instale o repositório com as últimas versões do PHP.

yum install http://rpms.remirepo.net/enterprise/remi-release-7.rpm

Por padrão, o repositório para o PHP 5.4 está habilitado e, portanto, para instalar a versão mais recente do PHP, você precisa desabilitar este repositório. Os repositórios podem ser ativados ou desativados usando o comando yum-config-manager. Este comando é fornecido com o pacote yum-utils.

yum install -y yum-utils
yum-config-manager --disable remi-php54

Agora é necessário ativar o repositório do PHP na versão 7.3

yum-config-manager --enable remi-php73

Para finalizar, agora só instalar o PHP.

yum install php php-fpm php-common

Para se certificar de qual versão foi instalada, só executar o comando abaixo

php -v

Para finalizar agora a configuração do LEMP, devemos configurar o Nginx para funcionar com o PHP 7, para isso crie um novo arquivo de configuração.

nano /etc/nginx/conf.d/default.conf

Em seguida inclua a sintaxe abaixo (troque o IPDAVPS pelo seu IP)

server {
    listen   80;
    server_name  IPDAVPS;

    # note that these lines are originally from the "location /" block
    root   /usr/share/nginx/html;
    index index.php index.html index.htm;

    location / {
        try_files $uri $uri/ =404;
    }
    error_page 404 /404.html;
    error_page 500 502 503 504 /50x.html;
    location = /50x.html {
        root /usr/share/nginx/html;
    }

    location ~ \.php$ {
        try_files $uri =404;
        fastcgi_pass unix:/var/run/php-fpm/php-fpm.sock;
        fastcgi_index index.php;
        fastcgi_param SCRIPT_FILENAME $document_root$fastcgi_script_name;
        include fastcgi_params;
    }
}

Agora CTRL + X para salvar e reiniciar o Nginx para ler o arquivo de configuração criado.

systemctl restart nginx

Agora para finalizar, só configurar o PHP-FPM.

nano /etc/php-fpm.d/www.conf

Localize e substitua as linhas abaixo:

Onde está escrito “user = apache” substitua por “user = nginx“.

Substitua “group = apache“ por “group = nginx

listen.owner = nobody” deve ficar como “listen.owner = nginx

E “listen.group = nobody” deve ser substituído por “listen.group = nginx

Abaixo de “;listen = 127.0.0.1:9000” adicione a linha:

listen = /var/run/php-fpm/php-fpm.sock

Por fim CTRL + X para salvar e agora só reiniciar o PHP-FPM.

systemctl start php-fpm.service
systemctl enable php-fpm.service

Se você fez tudo certo, agora é hora de testar essa brincadeira toda. No servidor navegue até o diretório padrão do nginx (/usr/share/nginx/html) e crie um arquivo test.php

nano test.php

Nele insira o seguinte conteúdo

<?php
echo "teste";
?>

Agora abra no navegador esse endereço: http://IPDAVPS/test.php, se deu tudo certo, deve abrir uma página em branco escrito teste, caso contrário, alguma coisa deu errado, verifique esse tutorial novamente.

By |2019-06-01T23:47:09+00:00maio 30th, 2019|Tutoriais|
× Como posso te ajudar?