Over 10 years we help companies reach their financial and branding goals. Engitech is a values-driven technology agency dedicated.

Gallery

Contacts

411 University St, Seattle, USA

engitech@oceanthemes.net

+1 -800-456-478-23

Blog CentOS LEMP MySQL PHP Tutoriais

Esse tutorial é uma atualização desse, como houve atualizações no PHP, preferi refazer o tutorial.

Primeiramente vou explicar aqui o que é LEMP e o que é CentOS para quem não sabe. Segue o que é LEMP de acordo com o site lemp.io:

“O LEMP é uma variação da onipresente pilha LAMP usada para desenvolver e implantar aplicativos da Web. Tradicionalmente, o LAMP consiste em Linux, Apache, MySQL e PHP. Devido à sua natureza modular, os componentes podem ser facilmente trocados. Com o LEMP, o Apache é substituído pelo leve e poderoso Nginx.”

Lembrando que é também possível usar Apache em Nginx no mesmo servidor, porém esse é um papo para depois.

Para começar, você precisa de acesso a uma VPS para poder usar os comandos que serão citados nesse tutorial, nos comandos abaixo vou explicar como seria instalando a versão do PHP 7.4 (que é a versão atual).

Primeiramente vamos instalar o Nginx, para começar vamos instalar o repositório onde ele está presente.

Agora o comando para instalar

yum install nginx -y

Agora só iniciar e adicionar como serviço para que inicie junto da VPS.

systemctl start nginx
systemctl enable nginx

Agora vamos instalar o MariaDB que é uma modificação do Mysql para CentOS, em seguida iniciar e adicionar como serviço da mesma forma que o nginx.

yum install mariadb-server mariadb -y
systemctl start mariadb
systemctl enable mariadb

Para concluir o MariaDB, execute o comando abaixo para configurar sua senha de root e remover dados padrões (recomendado)

mysql_secure_installation

Para conseguir instalar a versão nova do PHP é necessário instalar e habilitar o repositório EPEL no sistema.

dnf install https://dl.fedoraproject.org/pub/epel/epel-release-latest-8.noarch.rpm

Para confirmar a instalação do repositório, rode o comando abaixo:

rpm -qa | grep epel

Agora instale o repositório REMI.

dnf install https://rpms.remirepo.net/enterprise/remi-release-8.rpm

Para confirmar a instalação do repositório REMI, rode o comando abaixo:

rpm -qa | grep remi

Agora para certificar de que o PHP certo vai ser instalado, execute o comando para listar os módulos:

dnf module list php

Feito isso o próximo passo é habilitar o módulo da versão 7.4 (a padrão do sistema é a 7.2)

dnf module enable php:remi-7.4

Com o módulo habilitado, agora é só seguir com a instalação.

dnf install php php-cli php-common

Para se certificar de qual versão foi instalada, só executar o comando abaixo

php -v

Para finalizar agora a configuração do LEMP, devemos configurar o Nginx para funcionar com o PHP 7, para isso crie um novo arquivo de configuração.

nano /etc/nginx/conf.d/default.conf

Em seguida inclua a sintaxe abaixo (troque o IPDAVPS pelo seu IP)

server {
    listen   80;
    server_name  IPDAVPS;
 
    root   /usr/share/nginx/html;
    index index.php index.html index.htm;
 
    location / {
        try_files $uri $uri/ =404;
    }
    error_page 404 /404.html;
    error_page 500 502 503 504 /50x.html;
    location = /50x.html {
        root /usr/share/nginx/html;
    }
 
    location ~ \.php$ {
        try_files $uri =404;
        fastcgi_pass unix:/var/run/php-fpm/www.sock;
        fastcgi_index index.php;
        fastcgi_param SCRIPT_FILENAME $document_root$fastcgi_script_name;
        include fastcgi_params;
    }
}

Agora CTRL + X para salvar e reiniciar o Nginx para ler o arquivo de configuração criado.

systemctl restart nginx

Agora para finalizar, só configurar o PHP-FPM.

nano /etc/php-fpm.d/www.conf

Localize e substitua as linhas abaixo:

Onde está escrito “user = apache” substitua por “user = nginx“.

Substitua “group = apache“ por “group = nginx

listen.owner = nobody” deve ficar como “listen.owner = nginx

E “listen.group = nobody” deve ser substituído por “listen.group = nginx

Comente a linha Abaixo de “;listen = 127.0.0.1:9000” adicione a linha:

listen = /var/run/php-fpm/www.sock

Por fim CTRL + X para salvar e agora só reiniciar o PHP-FPM.

systemctl start php-fpm.service
systemctl enable php-fpm.service

Se você fez tudo certo, agora é hora de testar essa brincadeira toda. No servidor navegue até o diretório padrão do nginx (/usr/share/nginx/html) e crie um arquivo test.php

nano test.php

Nele insira o seguinte conteúdo

<?php
echo 'teste';
?>

Agora abra no navegador esse endereço: http://IPDAVPS/test.php, se deu tudo certo, deve abrir uma página em branco escrito teste, caso contrário, alguma coisa deu errado, verifique esse tutorial novamente.

Gostou desse tutorial e quer configurar seu próprio servidor? Aproveite esse desconto na Digital Ocean clicando nesse link: https://m.do.co/c/1e25c79708c7, configurando seu servidor aqui você ganha U$ 100 dólares para testar por 60 dias, depois disso você será cobrado pelos servidores configurados.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.
Criado por WP RGPD Pro
× Como posso te ajudar?